Rios de Encontro lança ‘folhinha comunitária’ para a nova década

A folhinha comunitária 2020, a ser lançada na semana que vem em Cabelo Seco.

Desde do início de 2020, Rios de Encontro vem se dedicando a nova década, apoiando as performance educadoras de AfroRaiz navegarem na fase do SISU pós ENEM e escolherem sua faculdade preferida, dialogando com cada uma na finalização de sua Perspectiva escrita sobre 2019, editando o vídeo sobre Rio Voador, e concluindo relatórios, para limpar horizontes e reinventar o Projeto.

AfroRaiz prepara para o processo de reflexão escrita, o micro-projeto Perspectivas, que vai gerar o livro coletivo ‘Perspectivas’ em 2020.

Os principais objetivos do Rios de Encontro já estão brotando nesses processos profundos de reflexão coletiva e pessoal, e na finalização do CD ‘Deixa o Rio Passar’ do mestre Zequinha de Cabelo Seco.

A nova década do Projeto será lançada pela celebração da obra do músico, compositor e poeta, Zequinha de Sousa, co-fundador do Rios de Encontro em 2008.

As prioridades pela nova década já estão claras: apoiar cada jovem adulta de AfroRaiz vivenciar outros projetos de formação, colaboração artística cultural e sustento da vida, para aumentar a motivação e confiança de cada uma, como gestora de uma cultura transformadora; aprofundar e ampliar a sustentabilidade do Rios de Encontro nessa conjuntura de austeridade cruel; publicar as narrativas pedagógicas, poesias e crônicas geradas pela primeira década do projeto; aprofundar a ação-pesquisa cultural em educação, saúde, segurança e economias integrais em busca da performance bem viver; e fortalecer e criar laços nacionais e internacionais através de residências comunitárias artístico-pedagógicas como metodologia para realizar estes objetivos, tanto em Cabelo Seco, quanto em Matadeiro, Florianópolis, em Santa Catarina.

AfroRaiz com sua coordenadora, Manoela, se retrata, celebrando sua diversidade, unificada pelos princípios de roda, cuidado, acordos e performance coletiva.

Na transição atual, AfroRaiz estará contrato e promovido enquanto indivíduos e Coletivo, como colaboradoras, artistas e performance educadoras profissionais. Convites já estão chegando de comunidades na região e cada continente no mundo.

Mais informação: Manoela (91 98847 8021) e Dan (91 98842 0521)

Esse post foi publicado em Advogando, AfroMundi, AfroRaiz, Casa dos Rios, Cine Coruja, Fórum Bem Viver, Festival Beleza Amazonica, Festival da Pipa, Festival de Verão, Folhas da Vida, Gira-Sol, Rabetas Videos, Residências, Sallus, Universidade Comunitaria dos Rios. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s